Entrevista com Angie Kim - Trama

Entrevista com Angie Kim

Conversamos com Angie Kim, autora de O julgamento de Miracle Creek, confira agora a entrevista exclusiva essa autora premiada que tem seu livro lançado em setembro/21 aqui na Trama.

1/ De onde vem a inspiração para o livro?

O julgamento de Miracle Creek é o meu primeiro romance — não apenas o primeiro romance que publiquei, mas o primeiro que tentei escrever — e, como tal, investi muito de mim mesma nele. O primeiro episódio da minha vida em meu romance vem da minha infância como imigrante coreana. Quando tinha onze anos, eu e os meus pais nos mudamos de Seul, Coreia do Sul, para Baltimore, onde vivi com os meus tios enquanto os meus pais geriam e viviam numa mercearia numa zona perigosa do centro de Baltimore. Saí da posição de me sentir uma garota inteligente com muitos amigos na Coreia para me tornar uma estrangeira numa escola secundária americana, sem falar ou compreender a língua, sem usar as roupas certas, sem conhecer ninguém. Há muita dessa experiência formativa na história que conto sobre a luta da família Yoo para se adaptar à América.

A segunda etapa importante do meu romance baseia-se na minha experiência como mãe de três filhos com questões de saúde de grande alcance. Um dos meus filhos tinha quatro anos de idade quando foi diagnosticado com doença celíaca e colite ulcerosa. Os tratamentos padrão não funcionavam — ele reclamava de dor no estômago, vomitava e perdia peso — por isso decidimos tentar um tratamento experimental que tinha ouvido falar, envolvendo a respiração de oxigênio puro dentro de uma câmara pressurizada: terapia hiperbárica de oxigênio (HBOT), que compõe o cenário do meu romance.

A terceira e última vertente que conduziu todos os segmentos e personagens a uma totalidade coerente foi a minha experiência como advogada de tribunal, que me deu as ferramentas para estruturar O julgamento de Miracle Creek em cerca de quatro dias de um julgamento por homicídio. Dada a minha familiaridade com os trâmites jurídicos e o que vi do agravamento dos conflitos interpessoais que o cenário pôde produzir, pareceu-me natural utilizar o suspense e a tensão dos tribunais para contar esta história.

2/ Como foi seu processo de pesquisa para os tópicos abordados durante a elaboração do livro?

Eu diria que minha “pesquisa” veio de minhas próprias experiências. Como dito acima, meu filho e eu fizemos HBOT na vida real, trancados dentro de uma câmara de grupo com outras três famílias durante sessões de quarenta horas de duração. Devido à presença de oxigênio puro e ao risco de incêndio que isso implicava, não podíamos trazer nada — telefones, brinquedos, eletrônicos, revistas — deixando-nos sem nada para fazer a não ser falar. Compartilhamos histórias de vida e trocamos informações sobre as várias doenças contra as quais nossos filhos estavam lutando. Foi uma experiência totalmente imersiva e intensa, e mais tarde, quando comecei a pensar em escrever um livro, pensei imediatamente na imersão, na intimidade e honestidade confessional que se desenvolveu naquele ambiente escuro e fechado, um caldeirão sob mais de uma forma.

3/ Você tem experiência com o autismo ou viveu com alguém com o espectro? Como você se preparou para falar sobre isso?

Com base na minha própria experiência pessoal com HBOT, tornei-me próxima das famílias das crianças com autismo e paralisia cerebral (com as quais fizemos as sessões de HBOT em conjunto). Algumas das mães são minhas melhores amigas hoje em dia. Compartilhei com elas os primeiros esboços de O julgamento de Miracle Creek e tive inúmeras conversas não apenas com elas, mas com outros leitores que são pais, avós e irmãos de pessoas com autismo, assim como com aqueles que possuem o transtorno do espectro autista.

4/ Se você pudesse fazer uma playlist com a essência do livro, quais canções, filmes ou programas de TV você usaria?

Eu diria que Sobre meninos e lobos como filme, principalmente porque este romance de Dennis Lehane é o livro que me inspirou, todos os dias, quando eu estava escrevendo O julgamento de Miracle Creek. (Na verdade, o título é uma espécie de homenagem a esse livro.) As vozes múltiplas POV (ponto de vista), a estrutura, o mistério do assassinato que não é apenas uma história de detetive, mas também sobre o “como” e o “porquê” — tudo isso são coisas que aprendi com Sobre Meninos e Lobos. Para a TV, eu diria que Law & Order, porque eu amo esse programa e o elemento dramático do tribunal é semelhante (pelo menos eu espero!). E finalmente, para a música, eu diria que a composição original, “Stormy Waves”, de meu filho, Steve Draughn, porque foi o que ouvi enquanto estava editando meu livro, e acabou sendo a trilha sonora do início e do fim do meu audiolivro. (Uma cópia está aqui: https://www.youtube.com/watch?v=G5I048NZP2A)

5/ Qual é a sensação de ter seu primeiro livro premiado com um Edgar Award e traduzido para diferentes idiomas?

Eu só comecei a escrever quando tinha quarenta anos, e O julgamento de Miracle Creek foi publicado na semana em que completei cinquenta anos de idade. Isso me dá tanta esperança por ter encontrado algo pelo qual sou apaixonada nessa idade, e agradeço aos leitores que compartilharam o livro entre si e me escreveram sobre o quanto ele tem impactado suas vidas. É impossível dizer o quanto sou grata por ter alcançado tantas pessoas ao redor do mundo.

6/ O que os leitores brasileiros podem esperar deste livro?

Espero que os leitores brasileiros tenham um livro que os fascine e os mantenha folheando as páginas até tarde da noite, ansiosos para descobrir o que aconteceu, quem ateou o fogo e, mais importante, por que e como? Mas sobretudo, espero que eles encontrem histórias que os ajudem a entender o que é ser uma pessoa diferente, o que é ser um pai e uma mãe desesperados por fazer qualquer coisa que possa ajudar seus filhos a encontrar a felicidade, dispostos a enfrentar qualquer sacrifício exigido por eles. E, finalmente, que possam encontrar conexão, amor e esperança mutuamente.

Deixe um comentário

Categorias
Arquivo

Posts relacionados

5 podcasts de thriller que você precisa ouvir!

5 podcasts de thriller que você precisa ouvir!

Se você é Tramer de verdade, com certeza além de mergulhar nas nossas histórias por meio da leitura, também quer assistir e ouvir tudo relacionado às essas histórias horripilantes que contamos por aqui. Por isso, criamos essa lista indicando 5 podcasts que temos certeza que você vai amar. Confere aí!
Leia mais
Quão fã de thriller você é?

Quão fã de thriller você é?

Faça esse teste e descubra em qual universo Trama você viveria!
Leia mais
Resenha “A dor do meu segredo”

Resenha “A dor do meu segredo”

Gabs traz para você a resenha de "A dor do meu segredo", da autora Robyn Gigl, com edição exclusiva e super trabalhada da Editora TRAMA. Post em formato de podcast.
Leia mais
O QUE VOCÊ PRECISA SE LEMBRAR ANTES DE COMEÇAR O Santo das Sombras (e o que esperar dessa continuação!)

O QUE VOCÊ PRECISA SE LEMBRAR ANTES DE COMEÇAR O Santo das Sombras (e o que esperar dessa continuação!)

Três ladrões com uma missão. É assim que começa a história de A oração dos miseráveis. O que deveria ser um roubo simples acaba se tornando uma explosão catastrófica, pela qual os três ladrões – Ratazana, Mastro e Cari – são injustamente acusados. Obviamente, eles não foram os responsáveis por destruir aquela Torre com um poder de alquimia descomunal. Mas então quem teria feito aquilo?
Leia mais
Mulheres na Trama

Mulheres na Trama

Todo Tramer de respeito sabe que nossas histórias são cheias de personagens femininas com características únicas: determinadas, corajosas e ousadas, vivendo intensamente suas tramas. Mas, hoje, queremos falar das mulheres que fazem toda essa Trama acontecer. E aí, tá a fim de conhecer um pouco dos nossos bastidores?
Leia mais
Substitua preconceito por informação correta

Substitua preconceito por informação correta

Faça o teste e descubra escubra quem você seria em Uma bruxa no tempo!
Leia mais
Qual caixa trama box é ideal pra você?

Qual caixa trama box é ideal pra você?

Responda o quiz e saiba qual Trama Box combina mais com você!
Leia mais
Em qual universo da Trama você viveria?

Em qual universo da Trama você viveria?

Faça esse teste e descubra em qual universo Trama você viveria!
Leia mais
Você sabe como funciona o clube Trama Box?

Você sabe como funciona o clube Trama Box?

Faça o teste e descubra escubra quem você seria em Uma bruxa no tempo!
Leia mais
Entrevista com Marie O’Regan e Paul Kane

Entrevista com Marie O’Regan e Paul Kane

Batemos um papo com Marie O'Regan e Paul Kane, os organizadores da antologia "Maldição", sobre as suas inspirações para a escolha desses contos de fadas sombrios!
Leia mais
6 playlists para escutar enquanto lê

6 playlists para escutar enquanto lê

6 playlists para escutar enquanto lê: Mergulhe ainda mais nas histórias da Trama com essas playlists!
Leia mais
Está procurando algo novo pra ler? Então confira só essas indicações!

Está procurando algo novo pra ler? Então confira só essas indicações!

Conversamos com Nicholas Eames autor de “Os reis do Wyld” Confira a nossa entrevista com ele e descubra algumas curiosidades sobre o livro e o autor.
Leia mais
Descubra se você é mais Nina ou Vanessa de “Mentiras e desejos”!

Descubra se você é mais Nina ou Vanessa de “Mentiras e desejos”!

Descubra se você é mais Nina ou Vanessa de “Mentiras e desejos”!
Leia mais
Entrevista com Nicholas Eames

Entrevista com Nicholas Eames

Conversamos com Nicholas Eames autor de “Os reis do Wyld” Confira a nossa entrevista com ele e descubra algumas curiosidades sobre o livro e o autor.
Leia mais
Indicações de livros para o Halloween

Indicações de livros para o Halloween

O Halloween está chegando! No dia 31 de outubro, comemora-se, no Brasil, o Dia das Bruxas, e também o Dia do Saci. O terror e o mistério tomam conta desse mês e, por isso, selecionamos 10 livros sobre o tema para que você mergulhe nesse clima de horror e aproveite a celebração em grande estilo!
Leia mais
Responda a este teste e te indicaremos um livro da TRAMA

Responda a este teste e te indicaremos um livro da TRAMA

Responda a este teste descubra qual livro da TRAMA é mais indicado para você!
Leia mais
Entrevista com Janelle Brown

Entrevista com Janelle Brown

Batemos um papo com a autora de "Mentiras e desejos", Janelle Brown, confira a seguir algumas curiosidades sobre o processo de escrita desse thriller que é lançamento da Trama este mês.
Leia mais
5 motivos para assinar agora o Trama Box

5 motivos para assinar agora o Trama Box

Faça o teste e descubra escubra quem você seria em Uma bruxa no tempo!
Leia mais
Descubra quem você seria em Uma Bruxa no Tempo

Descubra quem você seria em Uma Bruxa no Tempo

Faça o teste e descubra escubra quem você seria em Uma bruxa no tempo!
Leia mais
Histórias de fantasia que vão muito além do entretenimento

Histórias de fantasia que vão muito além do entretenimento

Se você é um grande fã de fantasia ou conhece pessoas que curtem o gênero, provavelmente já está familiarizado com o argumento mais usado para justificar a sua leitura: a possibilidade de escapar um pouco da realidade ou do cotidiano. De fato, durante a pandemia, a fantasia foi o segmento mais consumido como uma válvula de escape, principalmente pelos jovens. Eu mesma posso dizer que o gênero me salvou de algumas várias crises durante esse período.
Leia mais
{"slide_show":3,"slide_scroll":1,"dots":"false","arrows":"true","autoplay":"true","autoplay_interval":2000,"speed":300,"loop":"true","design":"design-1"}
Login
Loading...
Sign Up

New membership are not allowed.

Loading...